O que significa perito grafotécnico

O que significa perito grafotécnico

Tempo de leitura: 4 minutos

O que significa perito grafotécnico

A Grafotécnica estuda a escrita humana, e a Perícia Grafotécnica, um de seus ramos, identifica a autenticidade de escritas e assinaturas em documentos.

Essencial para a justiça, essa especialidade determina a autoria de documentos e auxilia em investigações criminais.

O profissional que realiza essa análise é o Perito Grafotécnico.

Perito Grafotécnico

onde trabalhar como perito grafotécnico

O Perito Grafotécnico, com conhecimentos em Grafotécnica e Direito, analisa documentos manuscritos para verificar sua autenticidade, sendo crucial em processos judiciais para identificar fraudes.

Seu trabalho envolve a análise de fatores como inclinação, pressão, tamanho, ritmo da escrita, além de tinta, papel e tipo de caneta utilizados.

Atribuições do perito grafotécnico:

  • Exames grafotécnicos: Analisar documentos questionados e compará-los com padrões de escrita e assinatura do autor suspeito, buscando identificar características individuais e elementos que comprovem ou refutem a autoria.
  • Emissão de laudos periciais: Elaborar documentos técnicos detalhados que apresentem os resultados da análise, com metodologia utilizada, conclusões e fundamentos científicos.
  • Atuação em processos judiciais: Prestar assessoria técnica a juízes, advogados e partes envolvidas em processos que necessitem de perícia grafotécnica, fornecendo esclarecimentos e respondendo quesitos.
  • Consultoria para empresas e instituições: Auxiliar na investigação de fraudes, falsificações e outros crimes relacionados à documentação, contribuindo para a segurança jurídica e a proteção contra atos ilícitos.
CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO

O que faz um perito grafotécnico

Qual é o trabalho de um perito?

O perito grafotécnico, também chamado de perito de assinatura, identifica se uma assinatura foi feita por uma pessoa específica.

Ele aplica exames grafotécnicos para comparar a escrita investigada com escritas autênticas, determinando convergências ou divergências.

Após os exames, elabora o Laudo Pericial Grafotécnico, detalhando o processo e o resultado.

Qualquer pessoa com ensino médio completo pode se tornar perito grafotécnico, desde que faça um curso de formação na área.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO

Qual a importância do Perito Grafotécnico?

Quanto ganha um perito grafotécnico iniciante?

Os principais casos que exigem um Perito Grafotécnico envolvem crimes contra a honra, como difamação, calúnia e injúria, além de falsificação de documentos e estelionato.

A análise de documentos por este profissional é crucial para garantir a justiça e proteger a integridade dos documentos e os direitos das partes envolvidas.

O Perito Grafotécnico atua tanto em processos judiciais quanto em empresas, verificando a autenticidade de documentos produzidos por funcionários para evitar fraudes.

Sua importância vai além do ambiente jurídico, sendo essencial para a segurança das informações em empresas e instituições públicas.

Além disso, o trabalho do Perito Grafotécnico é útil em casos de acidentes de trânsito, determinando a autoria de documentos como carteiras de motorista.

A perícia grafotécnica é uma ferramenta vital para evitar fraudes e garantir a segurança das informações em diversas áreas.

A perícia grafotécnica não é uma ciência exata e pode variar conforme o tipo de documento e suas condições de produção.

Portanto, é essencial que o trabalho seja realizado com rigor científico, utilizando técnicas e equipamentos adequados.

O profissional deve estar sempre atualizado para acompanhar novas técnicas na produção de documentos.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO

Qual é a remuneração de um perito grafotécnico?

A profissão de perito grafotécnico está em alta devido à flexibilidade de horários e controle da carga de trabalho.

Juízes solicitam esses especialistas em casos de falsidade de assinatura.

O ganho inicial varia de R$2.500,00 a R$4.000,00 por assinatura, podendo alcançar R$20.000,00 mensais para quem trabalha em tempo integral.

A formação adequada é essencial para se destacar no mercado.

O mercado de trabalho é promissor, com poucos especialistas disponíveis e alta demanda.

Segundo o CNJ, havia 75,4 milhões de processos em andamento no Brasil até o final de 2021, com escassez de peritos judiciais, especialmente grafotécnicos.

O perito grafotécnico pode atuar como assistente técnico em empresas ou como perito judicial nomeado por um juiz, elaborando laudos para a Justiça sem necessidade de concurso público ou formação superior específica.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO

Como conseguir emprego de perito grafotécnico?

como se tornar um perito judicial grafotécnico

O perito grafotécnico pode conseguir emprego de duas formas:

  1. Contratado por uma empresa ou instituição.
  2. Nomeado por um juiz.

Para o primeiro caso, é recomendável fazer networking com escritórios de advocacia e grupos de peritos grafotécnicos online.

No segundo caso, é necessário se colocar à disposição dos Tribunais de Justiça e demonstrar qualificação.

Investir no curso de Perícia Grafotécnica é o melhor caminho, pois ensina a dinâmica de apresentação ao tribunal e oferece certificação validando suas habilidades.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER NO CURSO

Conclusão

Como ser um perito grafotécnico

A perícia grafotécnica oferece boa remuneração e prestígio profissional, com reconhecimento pela justiça e instituições.

Dedicação e determinação são essenciais para aplicar seu conhecimento nos tribunais.

Para atuar como perito em tribunais, empresas ou instituições, é necessário investir em conhecimento, que trará retornos significativos.

Se deseja ser um perito grafotécnico qualificado, inscreva-se no Curso de Perícia Grafotécnica.